header top bar

section content

Mulher denuncia ex-BBB à polícia por agressão, em Goiânia

Segundo delegada, exame de corpo de delito apontou que ela estava com um hematoma leve, mas é preciso apurar as circunstâncias e se o João Maurício foi o responsável pelo machucado.

Por G1

10/02/2018 às 17h56 • atualizado em 10/02/2018 às 13h58

Ex-BBB João Mauricio Dantas é denunciado por agressão (Foto: TV Globo/ Divulgação)

Uma mulher denunciou o ex-BBB João Maurício Dantas por agressão, em Goiânia. Segundo a Polícia Civil, o exame de corpo de delito apontou que ela estava com um hematoma leve, mas é preciso apurar as circunstâncias e se o pecuarista foi o responsável pelo machucado.

O caso foi registrado na noite de quinta-feira (9) na Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam). De acordo com a delegada Ana Elisa Gomes, responsável pelo caso, a mulher disse que já se envolveu com o ex-BBB, mas não detalhou se, por exemplo, namoravam.

A vítima ainda precisa ser ouvida formalmente e não quis ser identificada. Também será marcada uma data para o depoimento do ex-BBB, que viajou para Salvador (BA) no carnaval. A polícia possui 30 dias para concluir a investigação.

“Como o registrou ocorreu na véspera do carnaval, não tivemos como movimentar muito porque todos estão viajando”, explicou a delegada.

João Maurício participou da 12ª edição do BBB e mora em Goiânia. O G1 entrou em contato, por telefone e e-mail, com a defesa do pecuarista e aguarda um retorno.

Fonte: https://g1.globo.com/go/goias/noticia/mulher-denuncia-ex-bbb-a-policia-por-agressao-em-goiania.ghtml

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula