header top bar

section content

Cantor de banda de forró é preso após show em cidade da Paraíba por não pagar pensão alimentícia

Segundo a Polícia Civil, vocalista da banda 'Forrozão Karkará' foi preso por não pagar pensão alimentícia.

Por G1PB

10/02/2019 às 14h35 • atualizado em 10/02/2019 às 14h36

(Imagem da internet)

O vocalista da banda ‘Forrozão Karkará’ foi preso na madrugada deste domingo (10), na cidade de Esperança, no Agreste paraibano, após realizar um show na cidade. De acordo com a Polícia Civil, José Georgivan da Silva Lopes, conhecido como Vam, foi preso em cumprimento a um mandado de prisão, expedido pela 1ª Vara da Família de Campina Grande, por não pagar pensão alimentícia aos filhos.

Conforme a decisão judicial, o vocalista deveria ficar recolhido em regime fechado durante um período de 30 dias, na Penitência Jurista Agnello Amorim (Monte Santo), até a quitação dos valores.

O delegado Gilson Teles, que está acompanhando o caso, informou que os advogados do cantor ingressaram com um pedido de retificação dos valores, uma vez que, segundo a defesa, os filhos do vocalista já são maiores de idade e não estão na faculdade.

De acordo com a produção da banda, o que houve foi um desencontro de informações e já estão sendo adotadas as providências necessárias para que o vocalista saia da prisão o quanto antes.

Até o início da tarde deste domingo o cantor estava detido na delegacia da cidade de Esperança.

Fonte: G1PB - https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2019/02/10/cantor-de-banda-de-forro-e-preso-apos-show-na-cidade-de-esperanca.ghtml

Recomendado para você pelo google

REFORMA AGRÁRIA

VÍDEO: Coordenadora da CPT Sertão afirma que terras são um direito dos camponeses e não do agronegócio

CLIMA IDEAL

VÍDEO: Prefeito revela interesse de empresas em instalar parque de energia solar em Monte Horebe

INTERVENÇÃO

VÍDEO: Diretor da SCTrans fala sobre planos para dar segurança aos pedestres em frente à São João Bosco

"QUER ENRICAR AINDA MAIS"

VÍDEO: Pastor de Cajazeiras diz que famoso bispo está vendendo imagens de deusa egípcia na igreja