header top bar

section content

Sindicalista de Cajazeiras revela que procurou Igreja para tentar resolver problemas com a prefeitura

Segundo a sindicalista, há três meses tenta dialogar o prefeito Zé Aldemir (PP), mas não obteve êxito e ameaçou procurar a Justiça

Por Luzia de Sousa

13/07/2018 às 11h40

A presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Cajazeiras (SINFUMC), a professora Elinete Lourenço, em entrevista nessa quinta-feira (12), ao programa Jornal da Manhã da TV Diário do Sertão, apresentado por Petson Santos declarou que procurou ajuda da Igreja para tentar resolver uma questão com a prefeitura municipal.

Segundo a sindicalista, há três meses tenta dialogar o prefeito Zé Aldemir (PP), mas não obteve êxito.

Como alternativa, Elinete disse que procurou a Cúria Diocesana de Cajazeiras, e conseguiu juntamente com o Bispo Dom Francisco conversar com assessores da prefeitura, que teriam prometido analisar uma proposta de reajuste de até 2%, mas que também não foi efetivado

De acordo com Elinete, caso o prefeito não receba os sindicalista acionará a Justiça.

Atrasados
Quanto aos salários atrasados de 2012, ela explicou que continua lutando para que os servidores recebam, e relembrou que os salários de 2008 foram pagos após 8 anos de batalha judicial.

DIÁRIO DO SERTÃO

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras