header top bar

section content

Consumidores de Sousa e São José de Piranhas serão beneficiadas por projeto da ENERGISA

Nessas cidades, os moradores poderão trocar até seis lâmpadas incandescentes ou fluorescentes por de LED

Por Redação Diário

09/02/2019 às 23h54 • atualizado em 09/02/2019 às 23h55

Projeto Nossa Energia

O Projeto Nossa Energia vai visitar oito municípios paraibanos até o final desse mês. No Sertão as cidades de Sousa e São José de Piranhas serão beneficiadas.

Massaranduba, Tenório, Fagundes, Lagoa Seca, Campina Grande e Cuité também receberão os caminhões da Energisa, que percorrem todo o estado incentivando melhores práticas de consumo nas residências e o combate ao desperdício de energia elétrica.

Nessas cidades, os moradores poderão trocar até seis lâmpadas incandescentes ou fluorescentes por de LED, que são mais eficientes, mediante comprovação de residência em comunidade de baixo poder aquisitivo. Para ter direito ao benefício é preciso levar as lâmpadas que serão substituídas e os documentos originais (identidade, CPF e última conta de energia paga).

Além disso, o projeto vai beneficiar a população dos municípios com palestras educativas e sessões de cinema em praça pública. A iniciativa é uma parceria com a Secretaria de Cultura do Estado, que cede os filmes exibidos. O Nossa Energia é parte do Programa de Eficiência Energética da Aneel.

VEJA A PROGRAMAÇÃO

Massaranduba – 09/02
Tenório – 09/02
Fagundes – 12 e 13/02
Lagoa Seca – 12 e 13/02
Campina Grande – 25 e 26/02
São José de Piranhas – 25 a 27/02
Cuité – 27 e 28/02
Sousa – 28/02

DIÁRIO DO SERTÃO com Portal Diário e assessoria da Energisa

Recomendado para você pelo google

123 DIAS

VÍDEO: Dra. Paula pede licença na Assembleia para cuidar da saúde; ela passará por duas cirurgias

90% CONCLUÍDA

VÍDEO: Abertura da Cajazeiras Expo Negócios 2019 se aproxima, e chefe do Sebrae dá últimas orientações

VÍDEO

Polícia Civil prende acusado de matar vigilante sousense em Santa Catarina e acusado de roubo no Ceará

INUSITADO

Em menos de um ano, ovelha dá à luz pela segunda vez a 4 filhotes na zona rural de Cachoeira dos Índios