header top bar

section content

Rota do Sol recebe reconhecimento internacional da cultura popular

A Rota do Sol é um circuito itinerante de arte e cultura compreendendo na articulação de ações culturais existentes em 6 municípios sertanejos

Por Portal Diário com Assessoria

17/02/2020 às 09h53

6º Congresso da Juventude IOV Mundial

A fundadora da Pisada do Sertão, Ana Neiry de Moura, foi convidada para participar do 6º Congresso da Juventude IOV Mundial e durante o evento recebeu Menção Honrosa do Presidente da IOV Brasil o Senhor Clerton Vieira e do Secretario Geral da IOV Mundial o Senhor Fabrizzio Cataneo da Itália pela realização da Rota do Sol e do Festival Internacional das Culturas Populares do Alto Sertão Paraibano.

A cerimônia de homenagens aconteceu no sábado (15) na cidade de Nova Petrópolis – RS e contou com a presença de diversas autoridades do folclore do País e das Américas, além da Pisada do Sertão foi homenageado o Festival Internacional de Passo Fundo – RS, o Boi Axixá do Maranhã e a Quadrilha Junina Luar de São João do Piauí.

6º Congresso da Juventude IOV Mundial

A Pisada do Sertão utiliza a cultura como instrumento de transformação social do território sertanejo, e por meio de atividades socioeducativas e culturais atende diariamente a 200 crianças, adolescentes e jovens do alto sertão paraibano e realiza ao lado da comunidade, da iniciativa privada e das prefeituras dos municipais de Poço de José de Moura, Uiraúna, Bernardino Batista, Triunfo, Joca Claudino e Cajazeiras o maior evento cultural do sertão da Paraíba.

A Rota do Sol é um circuito itinerante de arte e cultura compreendendo na articulação de ações culturais existentes em 6 municípios sertanejos com o objetivo de contribuir para o fortalecimento e promoção das artes populares como mecanismo de desenvolvimento cultural e turístico dos municípios do alto sertão paraibano, o evento ocorre na segunda quinzena de novembro, e em sua ultima edição em 2019, beneficiou 13 mil crianças, adolescentes e jovens com ações socioeducativas e culturais em espaços escolares, e capacitou 1.028 jovens por meio de oficinas de arte e cultura, impactando direta e indiretamente um público de 44 mil pessoas.

“Realizar um evento internacional no sertão não é fácil, mas com a ajuda e contribuição da juventude, comunidade, iniciativa privada e poder público, é possível transformar o sertão paraibano em um território de oportunidades. Quando reconhecemos a nossa identidade cultural e acreditamos que somos capazes de mudar a realidade local, nos tornamos protagonistas da ação, construindo no presente o futuro desejado. Estamos apenas começando, creio que grandes coisas vão acontecer” Ana Neiry de Moura.

ESTÃO MORRENDO DE FOME

VÍDEO: Emocionada, chefe do Núcleo de Zoonoses pede ajuda para animais de rua durante a epidemia

GRUPO DE OPOSIÇÃO

VÍDEO: Leonardo Gadelha diz que está disposto a ceder candidatura a prefeito de Sousa para Zé Célio

RECOMENDAÇÃO DO MP

VÍDEO: Famoso torneio de futebol e tradicional festa no Vale do Piancó são cancelados devido à Covid-19

'ERROS SUPERFICIAIS'

VÍDEO: Deputado da PB ameniza erros de Bolsonaro e defende uso do fundo partidário contra o coronavírus

Recomendado pelo Google:
Conteúdo Protegido!