header top bar

section content

VÍDEO: Jornalista fala sobre as eleições da maior metrópole da América Latina

A Capital e mais 15 municípios do estado de São Paulo terão segundo turno no próximo domingo (29).

Por Juliana Santos

27/11/2020 às 17h35

As eleições da cidade de São Paulo foi destaque no programa Olho Vivo da TV Diário do Sertão dessa quinta-feira (26). O jornalista Odair Cardoso, trouxe um panorama de como de como está sendo esses últimos dias com a disputa entre Bruno Covas (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL), para à prefeitura da cidade.

Por ser a maior metrópole da América Latina, as eleições em São Paulo sempre acontecem surpresas. O jornalista destacou, como exemplo, a eleição de 1988 entre Luíza Erundina e o Paulo Maluf. “Eu já vi eleição em São Paulo ser decidida no último dia. Foi o caso de Luiza Erundina que ganhou do poderoso Paulo Maluf, quando ainda estava no PT. Um resultado que ninguém acreditava, saiu lá de baixo e ganhou no dia da eleição”, destacou.

A ex-prefeita e deputada federal, Luiza Erundina (PSOL), natural da cidade de Uiraúna, Sertão paraibano, é a candidata a vice de Guilherme Boulos (PSOL).

VEJA TAMBÉM 

Sertaneja de Uiraúna é 3ª colocada em pesquisa Datafolha para prefeito na grande São Paulo

Receoso o jornalista comentou sobre os resultados das pesquisas para o segundo turno, que ocorre domingo (29), entre Covas e Boulos. “O que podemos observar dos números das últimas pesquisas, é a estabilidade de Bruno Covas entre 47 e 48%. Já o Guilherme Boulos em três dias subiu nove pontos nas pesquisas. Nessa quinta-feira (26), uma nova pesquisa, divulgou empate técnico, Boulos 42% e Covas com estabilidade nos 48%”, pontuou Odair.

O jornalista arriscou num palpite em que o candidato Guilherme Boulos, teria vantagens na votação. “Estamos com um clima bom, não temos previsão de chuva, São Paulo não tem praia, mas tem praia perto, em Santos. Muita gente pode desce e não votar. Então a classe das periferias pode beneficiar o candidato Boulos”, comentou.

Outra questão citada pelo Odair Cardoso, que estaria beneficiando o possível crescimento de Boulos, seria a campanha feita atacando o vice de Covas, o Ricardo Nunes (MDB). Nunes estaria envolvido com a chamada ‘máfia das creches’, que de acordo com as investigações da Polícia Civil, é uma indústria de ONGs de fachada com o objetivo de gerir unidades terceirizadas. “Temos a questão da saúde do prefeito Bruno Covas, esperamos muito que ele se recupere, mas no caso de ele ser impossibilitado para fazer um tratamento, quem vai assumir será o vice. E o vice em questão tem essas denuncias”, colocou o jornalista.

A Capital e mais 15 municípios do estado de São Paulo terão segundo turno no próximo domingo (29).  O destaque para São Paulo com 12 milhões e 200 mil habitantes e um orçamento de mais de R$ 53 bilhões.

DIÁRIO DO SERTÃO

EXPLICAÇÃO

VÍDEO: Neurocientista fala da importância de todos serem imunizados contra a Covid-19

ALERTA

VÍDEO: Na Paraíba, publicitário faz alerta para novo golpe que envolve vendas em site na internet

PERSEVERANTE

VÍDEO: “Nunca é tarde para ter um bom futuro” afirma idoso de 61 anos que fez a prova do ENEM

CORONAVÍRUS

VÍDEO: Ministro da Saúde diz que a segunda onda vai gerar mais mortes e alerta sobre nova cepa

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!