header top bar

section content

Caixa inicia pagamento do PIS para nascidos em março e abril

Recebem o abono mais de 3,6 milhões de trabalhadores

Por Portal Diário com Agência Brasil

13/02/2020 às 08h34 • atualizado em 13/02/2020 às 14h48

Segundo a Caixa, receberão o abono mais de 3,6 milhões de trabalhadores (Foto: José Cruz / Agência Brasil)

A Caixa inicia nesta quinta-feira (13) o pagamento do Abono Salarial do Programa de Integração Social (PIS) calendário 2019/2020, para os trabalhadores nascidos nos meses de março e abril. Os beneficiários com conta individual na instituição, cadastro atualizado e movimentação, o crédito foi feito na terça-feira (11).

Segundo a Caixa, receberão o abono mais de 3,6 milhões de trabalhadores, totalizando R$ 2,7 bilhões em recursos injetados na economia. Os valores variam de R$ 88 a R$ 1.045, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano base 2018.

O prazo final para o saque do abono salarial do calendário de pagamentos 2019/2020 é 30 de junho deste ano.

O valor do benefício pode ser consultado no Aplicativo Caixa Trabalhador, no site da Caixa ou pelo Atendimento ao Cidadão, no telefone 0800 726 0207.

O banco disponibilizará cerca de R$ 16,5 bilhões para mais de 21,6 milhões de beneficiários até o final do calendário.

Quem tem direito
Pode receber o benefício o trabalhador inscrito no PIS há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2018, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos.Também é necessário que os dados estejam corretamente informados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais), ano base 2018.

AUMENTO DA DOENÇA

CORONAVÍRUS: Em 26 dias, casos confirmados crescem 140% em Sousa comparados com Cajazeiras

VEJA A LISTA DE BAIRROS

VÍDEO: Cajazeiras soma 63 casos de Covid-19; Centro e bairro São Francisco lideram em número de casos

ISOLAMENTO SOCIAL

VÍDEO: Secretaria de Educação de Santa Terezinha-PB inova com aulas no YouTube e em programa de rádio

"TIVE VERGONHA ALHEIA"

VÍDEO: “País está entregue a um bando de aloprados”, diz jornalista sobre vídeo de reunião ministerial

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!