header top bar

section content

Radialista de apenas 30 anos morre vítima de AVC na Paraíba

Ele estava internado no Hospital Regional de Emergência e Trauma

Por Luzia de Sousa

13/12/2019 às 07h10

Ele deixa o filho Hebron, de 5 anos, que teve com Adriana Góes, com quem foi casado. (Foto: Reprodução)

O radialista Fábio da Silva Policarpo, conhecido como Fábio Silva, morreu na noite desta quarta-feira (11), em Campina Grande.

VEJA TAMBÉM: Antiga comerciante do Mercado Central de Cajazeiras morre após perder luta contra o câncer

Ele estava internado no Hospital Regional de Emergência e Trauma desde o último domingo (8), quando sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico.

Conhecido no meio radiofônico, o radialista tinha trinta anos. Ele passou mal após o almoço e procurou atendimento no hospital. Na unidade hospitalar, sofreu um desmaio. Após ser socorrido, foi diagnosticado o AVC e ele foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva.

Mesmo após atendimento, ele teve o quadro clínico agravado e faleceu na noite desta quarta-feira. Fábio Silva era apresentador de programas na Rádio de Cubati e também atuava como locutor no Paraíba de Prêmios. Ele deixa o filho Hebron, de 5 anos, que teve com Adriana Góes, com quem foi casado.

O velório ocorreu nesta quinta-feira (12), em Campina Grande. O corpo foi levado para Cubati, para ser velado na Câmara Municipal, e de lá para a residência da família no Sítio Golpe D’água.

O sepultamento está agendado para a manhã desta sexta-feira (13), no Cemitério Municipal de Olivedos.

PORTAL DIÁRIO com informações do ClickPB

Recomendado para você pelo google

MOMENTO DE UNÇÃO

VÍDEO: Comunidade católica que viaja o mundo anima fiéis em retiro espiritual na cidade de Sousa

CUIDADOS NO TRÂNSITO

VÍDEO: Operação da PRF no Sertão da Paraíba intensifica ações onde ocorrem mais acidentes no Carnaval

MUITA FESTA

VÍDEO/FOTOS: Bloco Os Imprensados arrasta foliões na sexta-feira de Carnaval na cidade de Cajazeiras

OPOSIÇÃO

VÍDEO: Dra. Paula revela que não seguiria colegas de partido e votaria contra a criação da PB Saúde

Conteúdo Protegido!